Como prevenir acidentes de bicicleta?

Atualizado: 24 de mar.

A queda faz parte do nosso esporte. Embora, na maioria das vezes termine bem, a queda de bicicleta pode acabar se transformando em uma emergência séria.


Se depende de você ajudar um amigo ou um estranho, a falta de conhecimento só agrava a situação.


Nossas dicas mostram o que você deve fazer para, literalmente, não atolar de cabeça na terra. Mas esse artigo não é um curso de primeiros socorros online, trata-se de conscientizar e passar o básico para que você esteja preparado para o pior.



Andamos de bicicleta para nos divertirmos e nenhum de nós gosta de experimentar o lado sombrio do esporte, não é mesmo? Mas, como esportistas, devemos saber avaliar e considerar eventualidades e cenários desfavoráveis.

Há aqueles que sabem cair da bicicleta, bater e rolar corretamente, também há aqueles que se preparam corretamente para suas aventuras e podem ficar muito mais tranquilos quanto aos riscos.


Use nossas dicas úteis e simples para que seu passeio de bicicleta seja mais seguro!


Não precisa ter medo se você estiver preparado.



Independente de onde tenha sido o acidente, na rua, em casa, de carro, de bike etc, acredito que você já tenha testemunhado um. E mesmo que não tenha sido diretamente com você, você não está imune ao choque e seus efeitos.


Sons assustadores e imagens fortes fazem sua adrenalina disparar, aumentando a frequência cardíaca de forma tão intensa a ponto de você não conseguir pensar com clareza de idéias.


Situações de urgência são tão avassaladoras - você fica tão marcado pela sensação, que não tem ciência do que fazer. Aqueles que conseguem pensar claramente em uma emergência e aplicam medidas direcionadas estão em grande vantagem. A boa notícia -isso é algo que você pode aprender.


Com a preparação adequada, as situações de emergência podem ser significativamente diminuídas e até mesmo evitadas, principalmente quando você está pedalando em terrenos de difícil acesso ou desconhecidos. A maioria dos acidentes acontecem por descuido, por uma análise equivocada do ambiente ou por superestimar seus próprios limites.


A dica é: crie uma pequena lista de verificação.


Aonde vou?


Um passeio de bicicleta em trilhas traz diferentes riscos se comparado a um passeio de bicicleta no parque. Os praticantes de all mountain-enduro que o digam. Logo, esteja preparado à mudanças climáticas, acessibilidade do local e sinal de telefonia. Anote os números de emergência e esteja atento aos pontos de referência.


Se pergunte!


Minha bicicleta está em boas condições?


A manutenção da minha bicicleta está em dia?


Estou usando equipamento de proteção como capacete, joelheira, cotoveleira?


Minhas roupas são adequadas ao ciclismo?


Estou carregando um kit de primeiros socorros?


O meu celular está com a bateria carregada?


Muitos de nós andamos com uma mochila ou bolsa no quadro da bicicleta, se atente ao transportar só o que é realmente necessário.


Prevenção em primeiro lugar.


Pedale com responsabilidade e não se superestime. Se você estiver pedalando sozinho em um lugar remoto não tente manobras arriscadas ou saltos grandes. Não há nada de errado em um passeio relaxado sem tentar bater recordes no Strava.


Mas acidentes acontecem. O que fazer?


Manter a calma é o principal, pois agir por impulso de nada ajudará você e a vítima. Priorize o que realmente importa e decida como proceder.


Proteja o local do acidente – especialmente trilhas muito movimentadas– e retire bicicletas e equipamentos da trilha afim de ser evitar mais colisões.


Caso isso não seja possível, bloqueie a rota a uma distância suficiente do acidente e deixe-a visível. Somente quando isso for feito é que você deve socorrer a vítima e esclarecer a gravidade da situação.


Felizmente a maioria das pessoas são bem prestativas na hora de acidentes, muitos se dispõem a ajudar.


Como já dito, este artigo não é um curso de primeiros socorros online, nossa intenção é incentivá-lo a atualizar seus conhecimentos regularmente.


Ainda que ninguém goste de pensar no pior cenário, faz parte do nosso esporte e é extremamente importante não "atolarmos de cara na areia". A preparação e a prevenção ajudam a diminuir os riscos.


Atualizar regularmente suas habilidades de primeiros socorros o manterá calmo em uma emergência. Em casos graves, obviamente, isso não substituirá os serviços de emergência profissional, porém pode tornar a vida mais fácil, mais segura e mais longa para você, para os socorristas e para a pessoa ferida. Vamos nos preparar para o pior e esperar pelo melhor!


Andando de bicicleta em Nova Lima.
Kalil usando uniforme Corcovas. Morro do Chapéu. Nova Lima.



Ao lado o atleta Kalil usa equipamentos de proteção como capacete, joelheira, além do vestuário completo da Corcovas.







Nos conte aqui nos comentários, já se acidentou no pedal? Já precisou prestar socorro?


Acesse mais artigos do nosso blog clicando aqui!


9 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo