Como calibrar o pneu da minha bicicleta?

Calibrar o pneu corretamente diminui o risco de furar, te dá conforto no pedal, além de aumentar sua performance!


O pneu é um componente fundamental na sua bike. Afinal, é ele quem liga bicicleta e ciclista ao solo, permitindo que ambos movimentem por subidas, descidas, curvas, terra, além de uma infinidade de terrenos e obstáculos. Mas, para que funcione bem, o pneu da sua bicicleta deve estar sempre bem calibrado.


E apesar de existirem pneus sólidos, que não carecem de ser inflados com ar, a grande maioria dos veículos, incluindo a bike, ainda usam os infláveis, por terem maior flexibilidade de uso.


Um dos motivos da necessidade dessa flexibilidade é que uma bicicleta pode ser usada tanto por uma pessoa com menos de 40kg até mais de 100kg. E isso faz toda a diferença em como o pneu vai suportar.


Tão importante quanto cuidar dos seus pneus é utilizar o vestuário e os acessórios ideais para um pedal de alto nível! Lá na Corcovas você encontra produtos de alta tecnologia para garantir seu melhor desempenho! Se liga.


Agora bora às dicas para calibração de pneus!


Um pneu ideal deve trazer boa aderência, conforto, rodar de forma eficiente e resistir a furos!


O que pode acontecer se eu não calibrar os pneus da minha bicicleta corretamente?


Calibrar de forma correta vai fazer com que ele chegue mais perto de todas as exigências para um bom pedal. Do contrário, pode acarretar inúmeros problemas:


Pneu com pressão muito alta:


- Desconfortável - Faz com que os impactos do solo sejam sentidos com mais intensidade no corpo;


- Menos aderência - Pode fazer com que você escorregar mais;


- Pode ser menos eficiente em trilhas/estradas de terra. No MTB, mais precisamente no enduro, a calibração correta faz toda diferença.


Pneu com pressão muito baixa:


- Mais suscetível a furos;


- Menor rolagem (dificulta ganhar velocidade e cansa mais);


- Redução da estabilidade (podem dobrar em curvas e escorregar).


Quais são os tipos de bombas para encher o pneu da minha bicicleta?


Existem 2 tipos principais de calibradores para o pneu da sua bike: as bombas manuais e os compressores.


Bombas Manuais


As bombas manuais podem ser portáteis ou maiores, às vezes chamadas de bombas de pé.


Muitas dessas bombas que são específicas para bicicleta possuem uma válvula que se encaixa tanto em bico fino, quanto em bico grosso.


Para pneus de bicicletas de estrada, que levam muita pressão, acima de 80 psi, algumas bombas portáteis não conseguem atingir a pressão desejada, então fique atento a isso.


E como encher o pneu da minha bike com a bomba manual?


Primeiro passo: verifique se o bico da válvula é compatível com o encaixe da bomba, do contrário, utilize um adaptador ou mude a posição da válvula se a bomba permitir.


Retire a tampa externa da válvula e no caso de bico fino, abra a passagem de ar.


Verifique se a bomba possui uma trava na válvula e, caso houver, feche essa trava.


Abra a trava do bico da bomba, encaixe na válvula e feche a trava para evitar que o ar saia.


Bombeie o ar para dentro até que chegue na pressão desejada caso haja um indicador externo.


Destrave o bico do calibrador e retire da válvula.


Se for bico fino, feche novamente a válvula.


Coloque a tampa externa, caso ela exista.


Compressores de ar


Já os compressores são máquinas que guardam o ar sob pressão, sem precisar que você bombeia manualmente.


São aqueles que tem em posto de gasolina ou portáteis que são ligados na eletricidade.


Em geral, eles não são compatíveis com válvulas de bico fino, precisando de adaptador se for esse o caso.


Como calibrar o pneu da minha bike no posto de gasolina?


Primeiro: Retire a tampa plástica da válvula da sua câmara, se houver.


Se for válvula de bico fino, você deverá enroscar um adaptador para bico grosso.


Se o calibrador for digital, escolha a pressão desejada conforme orientação do fabricante de pneu. Certifique-se de que a escala está correta (geralmente psi / libras).


Se o bico do calibrador tiver uma pequena trava de metal, aperte-a para encaixar na válvula. Caso não tenha, é preciso segurar o bico enquanto a calibragem é realizada.


Em calibradores digitais, normalmente quando você pressiona o bico na válvula, o ar já começa a ser bombeado. Mas se isso não acontecer, pressione o comando “Pneu Vazio” do calibrador.


Repare que assim que o processo se inicia, o valor que aparece no calibrador é a pressão atual do pneu, dessa forma você saberá se estava muito vazio e se sua câmara costuma perder muito ar.


O calibrador emite um sinal sonoro quando termina de encher. No entanto, ele pode ficar bombeando diversas vezes até chegar na pressão ideal, a exata colocada. Espere o sinal.


Nos calibradores manuais convencionais, quando o bico é pressionado/encaixado, o ponteiro mostra a pressão atual. Então é preciso acionar uma alavanca no calibrador para controlar a quantidade de ar.


Segure esse alavanca por alguns segundos e solte. Ao soltar, você terá uma nova leitura. Refaça o processo até chegar ao fim desejado.


Por fim, feche a válvula, caso seja de bico fino. E coloque a tampinha externa, caso tenha.


Qual pressão utilizar no pneu da minha bicicleta?


A tabela abaixo da Oggi possui os parâmetros para pneus sem câmara. Mas se sua bike ainda estiver equipada com câmaras, basta adicionar cerca de 3 libras de pressão a mais!


Tabela  para calibração de pneus de bicicleta.
Tabela Oggi de parâmetro para calibração de pneus de bicicleta.

Com que frequência devo calibrar os pneus da minha bike?


Os pneus de bicicleta esvaziam porque o ar consegue atravessar a borracha, um processo chamado de permeação. Mesmo se tratando de um processo bem lento, em algum momento seu pneu se esvaziará por completo.


A velocidade que isso acontece depende muito da qualidade da borracha, logo o ideal é que você comece a perceber como tá acontecendo essa perda e descobrir a frequência ideal para encher.


Mesmo que não se esvaziem completamente, alguns fatores podem alterar a pressão do pneu da bicicleta, um exemplo seriam as mudanças bruscas de temperatura.


Assim como pequenos furos de um prego preso no pneu, pode fazê-lo esvaziar muito devagar de forma que seja difícil notar de imediato.


Como calibrar o pneu da minha bicicleta para dias de chuva?


Com o tempo chuvoso e pista molhada, a aderência dos pneus pode ficar comprometida e vale a pena utilizar a pressão um pouco mais baixa que o convencional.


Indicamos testar cerca de 5 psi a menos que o normal para garantir que a pilotagem fique mais segura.



A pressão correta nos pneus garante uma boa aderência ao solo e estabilidade nas curvas em percursos difíceis! Esteja atento às condições dos seus pneus e garanta um pedal de alto nível!

Gostou do nosso post? Comente aqui!


Acesse nosso site e nosso blog. Fique por dentro de todas as novidades do mundo do ciclismo!





7 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo